domingo, 31 de maio de 2009

Direitos iguais

Para assinar o manifesto do movimento pela igualdade no acesso ao casamento civil entre pessoas do mesmo sexo basta ir aqui.




Eu já assinei. E vocês?

7 comentários:

M disse...

Eu também já assinei :)

Ines disse...

E eu :)

Leonor disse...

e eu vou assinar, agora. já está

Mariana disse...

Eu vou assinar agr mesmo! :)

Cátia disse...

Eu estive hoje numa conferência que houve no São Jorge a respeito do MpI. Foi muito cool.

Kissi babe :P

Inês disse...

Apesar de estas iniciativas trazerem visibilidade para o tema acho errado separarem o casamento da adopção. se "nós" que estamos a favor disso tudo começamos a separar isto, a própria oposição vai-se aproveitar disso.
algo como os direitos de alguém, seja quem for, não se devem por em questão sequer...

No entanto fico feliz por haver iniciativas como esta só espero que a próxima não se esqueça do que estou a dizer...

B' disse...

Cátia, calculei que lá tivesses ido, deve ter sido fixe!
Kissi kissi ;)

Inês, eu também não acho que se deva separar. Mas tento ser realista e a verdade é que, apesar de achar completamente estupido, a sociedade em geral acha que um casal homossexual não deve ter filhos.
Por agora, vamos lutar pelo casamento civil, coisa que há uns anos atrás também era impensável, depois deste passo, iremos então aos restantes direitos que merecemos.
Lá no fundo, acho que as pessoas sabem que o importante é respeitarmo-nos uns aos outros. Somos todos iguais, com os mesmos direitos e deveres, e havemos de conseguir isso.