quinta-feira, 30 de abril de 2009

(vida de estudante é tão complicada)

Ai que me vai saber tão bem estes três dias sem fazer nada...

Bom fim de semana!

quarta-feira, 29 de abril de 2009

O grupo

Já há algum tempo que tenho esta suspeita, duas miúdas na minha turma que sempre achei que tinham uma relação chegada de mais (mais do que simples amigas entenda-se). Mas o ano lá foi passando e nunca liguei muito a isso, falo com elas tanto quanto falo com outra pessoa da minha turma, e elas poderiam ser apenas amigas.
Ora esta semana, não sei bem porquê comecei a dar mais importância a este assunto e a reparar nos gestos de carinho que têm uma com a outra, comecei a falar mais com elas e tenho a certeza que pelo menos uma está apaixonada pela outra (basta ver pela forma como olha para a outra e como lhe toca), mas é na outra que o meu gaydar dá sinal (não que o meu 'gaydar' seja muito bom, ou que exista se quer, apenas quando olho para ela dá-me a sensação que é lésbica).

Fui falar com um amigo meu que também as conhece para ver o que ele achava e aparentemente não sou só eu que estou a ver coisas onde elas não existem. Mas segundo este meu amigo elas não deveriam dar tanto nas vistas por estão a começar a ser gozadas lá por não sei quem. Não dar nas vistas? Fazer o que então? Se há coisa que eu não gosto é ter de evitar beijar ou abraçar a minha miúda (adoro tanto dizer 'a minha miúda' :D ) em 'locais públicos' só porque certas pessoas poderão não gostar.

Voltando às outras duas, sim, eu sei que eu deveria ser a primeira a não dar tanta importância a isto, pensar apenas "São namoradas, e depois?" e virar a cara.
Mas não, não consigo e a razão é simples. É que me falta o grupo. Todas as miúdas da minha idade e não só (ou pelo menos a maior parte) tem o grupo, aquele grupo de amigas com quem podem falar, a quem podem contar as chatices com os namorados, e sentir o apoio do grupo, e até juntarem-se todas e dizerem mal de X rapaz porquê ele é o ex-namorado de uma do grupo (tem de concordar comigo, as raparigas adoram falar de tudo e de todos e maior parte das vezes dizem mal), ou terem o grupo para comentarem aquele rapaz giro que está a passar. E eu quero esse grupo. E elas poderiam ser o meu grupo pelo menos na turma.

Claro que há outras hipóteses, o grupo não precisa de ser composto por raparigas que sejam lésbicas, mas a maioria dos rapazes com que me dou acha que uma rapariga ao gostar de raparigas está a demonstrar o seu lado masculino (masculino?! são duas raparigas! Onde é que está masculinidade nisso?!!) e com raparigas heterossexuais sinto que não me compreendem a 100 % (Ai que dramática... ).

E adorava descobrir se as duas miúdas da minha turma são namoradas, e adorava que elas se assumissem, adorava porque... porque iria dar-me a mim muita mais força para me assumir, ou para quando contra-argumentasse os comentários homofóbicos da minha turma saber que tenho alguém atrás para me apoiar.



Mas pronto, ainda hei de descobrir se as outras duas andam ou não, e depois irei fazer um post a dizer "Lembram-se deste post? Afinal o meu gaydar funciona mesmo!".

segunda-feira, 27 de abril de 2009

Ao fim de tantos anos de musica popular

é que eu sou iluminada com uma sabedoria imensa e me apercebo que aquela musica que eu de vez em quando estou a cantar "Queres ketchup Maria", afinal (preparem-se para a revelação do século!) quer dizer "queres que eu te chupe Maria"!!!!!

Nunca eu pensei (nem quando era mais pequenina e já cantava esta música um tanto ou quanto atrevida para aquela idade, nem mais recentemente) que seria este o significado!
Sim, dizer "ketchup" não fazia muito sentido, mas sei lá, há músicas com letras piores.


E pronto, aparentemente toda a gente sabia disso, mas para o caso de alguém não saber espero ter sido útil.


domingo, 26 de abril de 2009

Apanhada, (mas apenas em sonhos...)

S: Esta noite sonhei contigo! Lembras-te de dizer que ontem ias ao cinema com umas amigas e ninguém acreditou?
B': Ai foi? Sim, conta lá.
S: Sim, tu supostamente tinhas ido ao cinema, mas eu estava por ai a dar uma volta de carro com os meus amigos e vi-te num café com um rapaz e estavas aos beijos com ele! Eu fiquei bastante chateada por me teres mentido então aproximei-me, mas com um livro á frente da cara para não me veres, e telefonei-te para perguntar onde estavas e tu desligaste-me o telemóvel! Ou seja, tenho a certeza que ontem não foste sair com amigas.



Bem..., Querem ver que ainda vão ser os sonhos das outras pessoas que vão estragar os meus esquemas? É que muda-se "um rapaz" por "uma rapariga" e fui apanhada...!

sábado, 25 de abril de 2009

25 de Abril



Deste dia sei aquilo que aprendi na escola, e sei principalmente as histórias que os meus avós e ainda os meus pais me contaram sobre tudo daquele tempo.
Sei que devo muito a todos que naquele dia se uniram na tão conhecida Revolução dos Cravos.



e por tudo, merecem todo o nosso agradecimento.

sexta-feira, 24 de abril de 2009

Programa de sexta à noite:

American Idol

E junta-se a família toda para ouvir pessoas que acham que cantam bem demais para apenas ser o chuveiro a ouvir. (eu adooooro cantar enquanto tomo banho, o meu chuveiro adora-me!, às vezes falha e deixa de mandar água, mas acho que não é pela minha voz...)

quinta-feira, 23 de abril de 2009

POKER!

POKER, POKER, POKER, POKER.

Estou a aprender a jogar poker e já estou viciada!
Ainda bem que não tenho idade para entrar no casino, se não já estava com dividas (é q embora viciada, não tenho muito jeito para isto...por enquanto.)

quarta-feira, 22 de abril de 2009

Momentos memoráveis


Isto, esta coisa aqui em cima que juro que é comestível apesar de na imagem não parecer assim muito, é a primeira refeição que eu cozinho!


Ok, mais de metade do trabalho foi feito pela querida que até a loiça lavou :), mas mesmo assim eu fiz alguma coisa!!
Já estou uma profissional, e tenho um jeitinho fora do comum e bastante comico para mexer na comida.

E amanhã acho que vou fazer cozido à portuguesa! ;)

Are You Straight?




Retirado deste site. que vale a pena verem.

O movimento Isto Diz-Me Respeito pretende chegar a toda a sociedade civil, através da ligações que têm com os homossexuais e aos homossexuais propriamente ditos.
Mais do que acabar com a discriminação, pretendemos que todos se manifestem em favor dos descriminados, por forma a mostrarmos um panorama social onde as orientações sexuais são manifestamente aceites por todos.>


Isto Diz-me Respeito!

terça-feira, 21 de abril de 2009

E foi isto

que eu hoje estive a fazer


Pronto... Ok. Não foi bem isto, foi mais num rio bem calminho, foi a descida do rio de Constância a Tamos de caiaque (mas juro que parecia tão perigoso quanto esta foto...!)

Digo que valeu bem a pena acordar às 6.18 e levantar-me da minha caminha quentinha às 6.28 (acho que nunca me tinha levantado tão cedo!) e fazer cerca de 2 horas de autocarro.

Valeu a pena simplesmente pelo caiaque, de duas pessoas, e que a minha companheira era a professora ( já alguma vez aqui referi o quanto gosto de storas?! E ainda por cima de Educação Física?! Ai...) .

Mas ir com a prof gira tem as suas desvantagens... enquanto ela vai a tirar fotografias quem é que rema? Pois, eu.
E quando ela diz: 'Vamos voltar para trás que ficaram uns ali presos' quem é que tem de remar imenso? Eu!
E visto não fazer desporto há mais de um ano, e hoje ter descido 7 Km de rio, quero ver como é que me vou conseguir levantar amanhã...
E ainda deu para tomar lá uns banhos no rio, que estava bastante limpo, ficar a trabalhar para o bronze e acabar o dia com rappel ;)

Bem, mas aconselho, é super divertido (cansativo, claro, mas compensa) e óptimo para fazer em grupo :)

segunda-feira, 20 de abril de 2009

Bolachas vs Homens

B': Mãe! Tu tens de parar de comprar estas bolachas!
Mãe: Então porquê? Pensava que gostavas.
B': E gosto, esse é o problema, não consigo parar de as comer.
Mãe: Se não resistes às bolachas como é que posso confiar em ti com outras coisas?
B': Oh mãe, bolachas são bolachas.
Mãe: E homens são homens.


Vá mãe, não te preocupes, mal tu sabes que daqui a uns tempos vais preferir que eu não resista aos homens do que a outras coisas.

domingo, 19 de abril de 2009

Coisas que eu não entendo



  1. "Um vídeo que ensina uma terapia fácil para curar homossexuais já vendeu mais de 350 mil cópias e comprova eficiência. "

  2. "Grupo anti-gay quer criar vacina para curar homossexualidade. "

  3. "Projecto de lei prevê incentivo para curar homossexualismo. "

Vamos lá às conclusões:

Em relação à 1ª, entendo que haja quem comprou o vídeo. Quer dizer, entendo que homossexuais tenham comprado o vídeo, não que outras pessoas tenham comprado o vídeo porque querem que alguém que conhecem deixe de ser homossexual (lol, sim porque aparentemente é possível) .
E entendo porque eu há pouco menos de 6 meses teria comprado esse vídeo.
Quanto à 2ª, é outra completa estupidez. É a mesma coisa que eu agora dizer que vou criar uma vacina para curar alguém que seja morena, ou alguém que seja canhota. Aliás, é uma estupidez só pela parte "anti-gay". Só isso já é uma estupidez.
E por fim a 3ª, pior que alguém ter este tipo de ideias, é alguém ter este tipo de ideias, levar estas ideias para a frente e haver quem as apoie!
Eu também estou a pensar em criar um projecto lei. Já estou a ver as noticias, "projecto lei prevê incentivo para curar todos aqueles que não são benfiquistas". Aposto que vai ser logo aprovado :p !

sábado, 18 de abril de 2009

Está decidido!


Vou aprender a dançar o Thriller! Tenho essa vontade desde a primeira vez que vi o videoclip (há pouco menos de 10 anos atrás).

Se for a pensar bem, isto não tem assim utilidade nenhuma, mas sempre poderei dizer " eu sei dançar o Thriller! "


O Michael Jackson até a fazer de morto tinha estilo, é impressionante...!




(isto é mesmo coisa de quem não tem nada para fazer, só pode...)


Clicar para ouvir a música toda

quinta-feira, 16 de abril de 2009

Gastei eu dinheiro a comprar uns allstar que me pareciam giros,

e depois dou com estes super na moda!





Mas pronto, não vale a pena ficar chateada por isso...

Agora tenho é de começar a juntar dinheiro e comprar uns destes:


(até calha bem, gosto de amarelo, gosto de jogar game boy*, e o pikachu dá ali um toque que fica demais!)


*Porque raio é que se chama game boy? Boy? Porque não game girl?


Mais calçado super chique aqui.

quarta-feira, 15 de abril de 2009

Megan Fox

Como eu sou uma querida, e a Ana também, resolvi partilhar o conteúdo do e-mail que ela me mandou ontem em relação ao post anterior:



Sem querer estar a "rebaixar" os homens: Fogo, As mulheres são perfeitas!

terça-feira, 14 de abril de 2009

@hotmail.com

Os e-mails que eu recebo inserem-se basicamente numa das seguintes categorias:



  1. E-mails com gajos (supostamente) giros e meio despidos;

  2. E-mails daqueles muito chatos e que dizem que se não enviar a mensagem a 20 pessoas vou ter 10 anos de azar;

  3. (Nos últimos tempos) E-mails com os comentários que fazem aqui ao blog;

  4. E-mails do hi5, de jogos, e outros;



Ora vamos lá ver:

  1. EU GOSTO DE RAPARIGAS!, mas as minhas amigas, familiares, e até uma antiga professora minha, insistem em mandar-me fotos de homens, praticamente nus e que não são nada giros (alguns até chegam a ser repugnantes...) ! A serio, eu acho que essas pessoas nunca olharam bem para mim, nunca me observaram bem. (ou então isso deve-se ao facto de estar tão dentro do meu armário que é maior que aquele das Cronicas de Narnia) Por favor, será pedir muito que me mandem mails com miúdas muita giras?? Ok, sempre posso ir ver ao ' E Deus criou a Mulher', mas mesmo assim... !

  2. Há bocado quebrei uma corrente que dizia que já tinha dado a volta ao mundo 4 vezes (e foi por isso que decidi vir fazer este post) e que por isso vou ter não sei quantos anos de azar no amor e que ninguém me ia beijar durante não sei quanto tempo (querida, tu beijas-me, não beijas?). Ora a história é muito simples: eu acreditei nestas tretas até para aí aos meus 12 anos. Um dia mandaram-me por telemóvel uma coisa dessas a dizer que eu tinha de mandar a 12 pessoas se não ia morrer nessa noite (não podia ser algo mais simples, tinha de ser logo morrer. Acho que são os homens das operadoras que fazem estas mensagens) e eu não tinha dinheiro suficiente e só consegui mandar para 10 pessoas. Passei a noite toda (!!) acordada com medo de me acontecer alguma coisa, e o resultado final é que ainda estou aqui, melhor que nunca. Por isso nunca mais acreditei nessas coisas. Por isso, não me mandem mais disso!

  3. Em relação aos e-mails que recebo do blog a dizer que X pessoa comentou os meus post's, bem, esses são dos melhores que recebo (visto não receber e-mails com gajas giras!) por isso continuem, por esses eu não me importo de ter a caixa de correio cheia.

  4. Odeio receber e-mails do hi5 (sim, porque eu recebo muitos, sou bastante social! ... ) e pior ainda é receber e-mails a dizerem-me que o meu irmão mais novo registou o meu e-mail num jogo qualquer e que tenho de lá ir fazer não sei o quê!
    A única coisa boa que se encontra no nº4 é os e-mails escritos de propósito para mim, adoro que me escrevam (se bem que prefiro mil vezes mais as cartas escritas à mão)!

E pronto, se alguém quiser mandar-me e-mails com miúdas giras, estão à vontade. Eu até vos perguntava se queriam e-mails com gajos, mas não vos desejo mal.

segunda-feira, 13 de abril de 2009

Ai!, férias, férias...

Como é que ao fim de mais de 15 dias a já estar habituada a ter o meu sono de beleza acordar apenas quando já não tenho sono ou não me apetece ficar na cama, vou conseguir amanhã levantar-me às 7 da manhã e estar atenta nas aulas?!


PS- eu estou para aqui a falar mas eu sou a rapariga mais croma do mundo e que até gosta de ir para a escola ...(mas não às 7 da manhã!)

Para quem não sabe,

hoje, dia 13 de Abril, é o

Dia Mundial do Beijo!





Sim, sim, há mesmo este dia! Por isso toca a comemorar ; )
Muitos beijos que é o que é preciso!


"Querida!, queres comemorar ? (comigo claro...) "


domingo, 12 de abril de 2009

Pronto, não consegui arranjar uma imagem de uma rapariga toda gira e que tivesse a ver com esta época festiva para ilustrar este post, mas mesmo assim desejo uma Boa Páscoa :)

sábado, 11 de abril de 2009


Visto não poder usar o desporto como descarregador de emoções/ frustrações/ demasiadas coisas acumuladas que me deixam a mil à hora (nem sei eu bem porquê) , acho que vou comprar um saco de boxe para por no meu quarto.

quinta-feira, 9 de abril de 2009

Ia jurar que hoje vi o arco-íris

Avó: As noticias só dão tragédias, até custa ver!
B': Pois é. E ouviste o que é que o primeiro-ministro da Itália disse? Aposto que nem ele nem a família dele sentiram e passaram mal com isto.
Avó: Esse... Esse... Hai! Que não o posso ofender, estamos na época santa!


"Óh avó, eu aqui no post anterior insinuei que Deus era gay, isso para mim não é uma ofensa, mas acho que muitos padres me mandariam para o inferno por isso... Achas que devo retirar? É que até me estou a sentir um tanto ou quanto culpada... Mas pronto, afinal eu tenho comido peixe todas as sextas-feiras (pelo menos ao almoço), e de qualquer maneira, já sou pecadora por outras coisas. Vou mas é deixar Deus ficar lá em cima a divertir-se que eu cá fico a ver o arco-íris! "

Ele nunca me enganou !



Não resisti a roubar a imagem daqui .

quarta-feira, 8 de abril de 2009

Há pessoas que metem uma certa piada

"Não podes fazer uma das coisas que mais gostas e mais prazer te dá fazer, escolheste uma área escolar baseada numa decisão que agora já não é concretizável, se fizeres algo, que uma outra pessoa qualquer faz como por exemplo andares de bicicleta, demasiado tempo ficas com dores, e não poderás realizar um dos teus maiores sonhos.
Fora isso, poderás ter uma vida normal."


Posso fazer o que afinal?



( Optimismo precisa-se. )

I wanna rock and roll all night and party every day

(É que hoje acordei com esta musica na cabeça)

terça-feira, 7 de abril de 2009

Sabemos que alguém gosta mesmo de nós


quando lhe mostramos o jogo mais infantil que jogamos e em vez de essa pessoa gozar connosco convida-nos para jogar.





(e ao fim de alguns jogos lá ganha... pronto... mas só porque eu quis.... )


PS- não gozar com o jogo.


PS2- pensando bem, este não deve ser o jogo mais infantil que eu jogo...

segunda-feira, 6 de abril de 2009

Isto de ter um blog é bom para poder dizer aquilo que eu penso e me chateia

Inicialmente ia fazer um post estúpido e sem qualquer interesse só para dizer ao mundo que estou feliz.

Devia ter escrito isso e ter-me ido embora da net. Agora, apesar de ainda feliz, penso que é melhor não confiar tanto nas pessoas se não as conheço assim tão bem quanto acho.




(Devo estar a stressar por nada, mas odeio que falem de mim e coisas da minha vida a outras pessoas sem eu saber disso...)

sábado, 4 de abril de 2009

Já que estou numa de videos

A serio, ela não é liiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiinda ?!
Ai... É a mulher que eu vejo na luz ao fundo do túnel, nem sei sobre o que é o anuncio...
E aquele vestido fica-lhe tããããão bem!
Ela é que é uma fonte natural de prazer...

[se alguem souber o nome da minha futura mulher, por favor digam-me]

sexta-feira, 3 de abril de 2009

Vem passear comigo, não me importa que estejas com roupa de Verão, não me importa mais nada, apenas, quero estar contigo...

quinta-feira, 2 de abril de 2009

Ele no Céu, e quem é que está na Terra?


A minha família liga bastante à religião, ligando também a Igrejas.
Cada vez que vamos a algum sitio é certo que entramos na Igreja desse local, e eu devo ter ficado com esse gosto, adoro igrejas tanto pela beleza como pelo que significa, deixa-me calma. Não que eu vá à missa, porque não vou, e quando era mais pequena e me obrigavam a ir não gostava de lá estar (veja-se, até havia uma folha de presença, como se ir por obrigação fosse digno). Mas por outro lado quando a Igreja está com pouca gente ou nenhuma é maravilhosa.

A última vez que tinha estado numa Igreja tinha sido no final do ano passado num casamento, nessa altura já tinha a certeza que era lésbica, e tudo o que o padre disse parecia que se estava a dirigir a mim, como se eu não fosse bem-vinda àquela Casa.
Senti-me mal, acredito em Deus (num Deus, seja Ele aquilo que for), e a religião que eu sempre segui até agora não me aceita, e ver a minha família e saber que eles desejam que eu case, pela Igreja provavelmente, deixa-me completamente mal, e volto para aquela (só minha ou também de tantos outros?) fase do 'porquê eu?'.

No outro dia voltei a entrar numa Igreja. Entrei, fui até ao centro da Igreja e fiquei a admirar aquela beleza incrível enquanto ouvia de fundo o Padre a dizer que 'Temos de estar mais perto de Deus nosso Senhor e agir de acordo com o que Ele nos ensinou' e simplesmente comecei a rir para mim.
Eu, ali naquela Igreja, com a rapariga que eu estava desejosa de beijar (será pior para eles eu querer beija-la ou ter sentimentos por ela?) atrás de mim! Até chega a ser hipócrita demais. Segundo aquele Padre, eu tenho um lugar reservado no inferno apenas por isso, e mesmo assim ali estava eu, a admirar a beleza daquele Local dito Sagrado, de tudo o que ele significa..., e o que significa afinal? Para mim seria Amor, Liberdade, Refugio também, mas não, aquele Padre e tantos outros transformaram a Igreja num local onde temos de fazer aquilo que para eles lhes convém, até fazer tudo o que for preciso e não virar a cara a nada para que a nossa religião, quer dizer, deles, possa ser a única.
E isso é realmente uma treta.



Eu irei continuar a ir a Igrejas!, apenas gostava que não me fizessem sentir tão mal lá...